logo

Estou de quarentena. E agora?

Estar de quarentena ou em isolamento social, pode ser uma experiência particularmente difícil, quer para as crianças, quer para os adultos. Neste sentido, torna-se premente estar atentos ao que nos rodeia, criando estratégias de minimização dos danos colaterais que toda esta situação acarreta, sobretudo a nível emocional. Assim, partilhamos mais um documento elaborado pela Ordem dos Psicólogos Portugueses, que esperamos que auxilie cada um de vós nesta nova fase das nossas vidas.

Consultar Documento